Blog dedicado ao mundo da corrida e do desenvolvimento pessoal

.favorito

. Estás Motivado?

. A Roda da excelência

. Psicologia das lesões, ou...

. Corredores, quem somos nó...

. Correr, para quê?

. Projecto Espaço Jovem - C...

. O Furacão da Estrada – hi...

. A viagem

. O “baldas” mais aplicado ...

. A excelência aqui tão per...

.arquivos

. Novembro 2016

. Janeiro 2016

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Maio 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Agosto 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.Visitantes

.Entrevista CorreComAlma RCSantarém

.Berlin 2009

.You Ready?

.Carlos Lopes - voltaremos a ter outro?

.Why I Run

Segunda-feira, 5 de Janeiro de 2009

Isto é só para quem gosta…, e eu gosto!

 

Ano Novo e regresso dos bons hábitos antigos, ehehe. Fim-de-semana com muito atletismo, sábado das 15 ás 21.00h e domingo das 9.00h às 14.00h. Foram os Campeonatos de Pista Coberta da zona centro, em Pombal, que reuniram os distritos de Santarém, Leiria, Coimbra e Castelo Branco. Com a pista cheia – foram seguramente mais de 300 atletas que por ali passaram, o programa horário foi esticando e deu muitas mas mesmo muitas horas. Acaba por ser um pouco cansativo até mesmo para quem “maluco” por atletismo, mas como costumamos dizer, isto não é para todos, é só para alguns, para aqueles que verdadeiramente gostam disto, e eu sou um deles.
Á parte as questões relativas ao marketing que a modalidade deve fazer para tornar estes eventos mais interessantes e captar mais público e mais atletas, o que é certo é que por ali deu para ver muita coisa e aprender muito, bastou estar um pouco atento. Emoção houve muita em várias provas. Entusiasmo, com incentivos e ruído imenso dos colegas que puxavam por que estava lá dentro, na pista a explorar o seu potencial e a demonstrar a sua capacidade atlética.
De Rio Maior seguimos com 3 carrinhas, éramos 27. Desta vez eu não entrei à compita, dado o meu problema recente no joelho ainda não recuperado, pelo que me limitei a observar e apoiar a rapaziada. Como sempre em grupos grandes, uns com mais experiência outros com menos, uns com prestações mais regulares outros com prestações mais modestas, à quem ou além das expectativas, os mais inibidos e os mais destemidos, os que se divertem e os mais cabisbaixos, os que celebram e os desiludidos, uns mais alegres e outros mais tristes, uns mais empenhados e outros mais acomodados, uns mais brilhantes e outros mais apagados, uns mais moderados e outros mais efusivos…, enfim, tudo isto e muito mais…, vivemos!
Este ano, temos alguns elementos mais velhos que em boa hora regressaram ao activo. Tal como já o disse anteriormente, espero que outros lhe sigam o exemplo. Alguns deles, voltaram com espírito renovado. Um bom regresso a casa, pela sua demonstração, pelo gosto pela prática e pelo clube, pelo seu empenho e preserverança…, enfim, bons exemplos para os mais jovens – como homens/mulheres e como atletas.
No regresso, paragem no restaurante/tasca típica aqui da zona, a “ti Cristina” e seguiu o convívio, desta vez à mesa, que se prolongou à tarde em casa com umas febras na brasa para terminarmos com as bebidas que sobraram da passagem de ano que organizámos – ainda não foi desta.
Entretanto vêm aí mais provas, Pista Coberta alguns Crosses e uma ou outra corrida de estrada pelo meio. Isto ainda agora está a começar mas a animação já é mais que muita. Seguimos,
Correndo com alma,
Vivendo com alma,
Amando com alma.       
  
 
publicado por ppmiguel às 01:52
link do post | comentar | favorito
| | partilhar
3 comentários:
De Marta a 9 de Janeiro de 2009 às 22:17
É engraçado como quando gostamos do que fazemos nos sentimos mesmo bem não é?
Prontos amigo eu faço imensa ginastica mas aos pulos no ginásio. Aio fim de semana acabo sempre com um Pilates ou Ioga para equilibrar.
Continua com essa alma ..

Beijinhos
De ppmiguel a 9 de Janeiro de 2009 às 23:06
Olá,
já viste a coincidência, estava eu a ver o teu post resumo/balanço de 2008 devias estar tu aqui deixar o teu coment. Eu era para comentar o teu, mas...
É que ri-me imenso com o pintor a apanhar varicela - está demais essa, eheh! E gostei especialmente do teu mês de Maio, em que dizes que voltaste ao ginásio. Geralmente as pessoas mais activas são sempre mais felizes. Espero que continues.
Eu já fiz ioga, mas por agora prefiro o reiki. Faço auto-reiki quase todos os dias, e para mim funciona quase como meditação e a ter mais clareza na analise do meu dia-a-dia, e noto que fico mais equilibrado - não me chateio com coisas que antes me irritavam. Mas claro, do que gosto mesmo é de correr..., é aquela sensação de liberdade (revejo-me em praticamente tudo o que esta nestes diapositivos do youtube why I run). Tudo o que está no post sobre ajudar os outros a correr mais rápido e o convivio atlético para mim também é fantástico. No fundo é como dizes, sentimo-nos bem quando fazemos o que gostamos, essa é a verdadeira felicidade.
Beijinhos
De Marta a 10 de Janeiro de 2009 às 19:23
Engraçado, já fiz reiki uma vez e fiquei maravilhada
Beijinhos

Comentar post

.CorreComAlma.com

Blog de apoio ao site www.correcomalma.com

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.fotos corrida

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds